CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

JÚRIS DA RAZÃO

Procuro encontrar um novo estilo
Que sirva de machado para rachar
As portas dos confins do meu covil
Iluminado por uma luz de penumbra
Esventrando o sabor seco da sede
Escavo túneis com mãos de misericórdia
Na vontade que esculpe o que não quero
Ser selvagem domesticado da irreverência
Subsisto em batalhas entre o ser e não ser
Feito na envergadura brilhante das estrelas
Sem esgotar os elementos, júris da razão
Como gente sou componente da vida
Garantindo marcar a minha passagem
A minha alma é uma assembleia de fés
Sossegando o sentido sem opostos
Nos pontos cardeais apagados

Submited by

quarta-feira, maio 7, 2008 - 00:41

Prosas :

No votes yet

Henrique

imagem de Henrique
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 5 anos 6 semanas
Membro desde: 03/07/2008
Conteúdos:
Pontos: 34817

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Henrique

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Videos/Outros Já viram o Pedro abrunhosa sem óculos? Pois ora aqui o têm. 1 37.052 06/11/2019 - 09:39 Português
Poesia/Tristeza TEUS OLHOS SÃO NADA 1 1.632 03/06/2018 - 21:51 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O INFINITO SEJA O PRINCÍPIO 4 2.246 02/28/2018 - 17:42 Português
Poesia/Pensamentos APALPOS INTERMITENTES 0 2.152 02/10/2015 - 22:50 Português
Poesia/Aforismo AQUILO QUE O JUÍZO É 0 2.006 02/03/2015 - 20:08 Português
Poesia/Pensamentos ISENTO DE AMAR 0 4.020 02/02/2015 - 21:08 Português
Poesia/Amor LUME MAIS DO QUE ACESO 0 2.709 02/01/2015 - 22:51 Português
Poesia/Pensamentos PELO TEMPO 0 1.698 01/31/2015 - 21:34 Português
Poesia/Pensamentos DA POESIA 0 5.457 01/30/2015 - 23:06 Português
Poesia/Pensamentos DO AMOR 0 1.845 01/30/2015 - 21:48 Português
Poesia/Pensamentos DO SENTIMENTO 0 2.292 01/29/2015 - 22:55 Português
Poesia/Pensamentos DO PENSAMENTO 0 2.376 01/29/2015 - 19:53 Português
Poesia/Pensamentos DO SONHO 0 1.647 01/29/2015 - 01:04 Português
Poesia/Pensamentos DO SILÊNCIO 0 2.861 01/29/2015 - 00:36 Português
Poesia/Pensamentos DA CALMA 0 2.202 01/28/2015 - 21:27 Português
Poesia/Pensamentos REPASTO DE ESQUECIMENTO 0 1.878 01/27/2015 - 22:48 Português
Poesia/Pensamentos MORRER QUE POR DENTRO DA PELE VIVE 0 1.772 01/27/2015 - 16:59 Português
Poesia/Aforismo NENHUMA MULTIDÃO O SERÁ 0 1.780 01/26/2015 - 20:44 Português
Poesia/Pensamentos SILENCIOSA SOMBRA DE SOLIDÃO 0 2.940 01/25/2015 - 22:36 Português
Poesia/Pensamentos MIGALHAS DE SAUDADE 0 1.566 01/22/2015 - 22:32 Português
Poesia/Pensamentos ONDE O AMOR SEMEIA E COLHE A SOLIDÃO 0 1.478 01/21/2015 - 18:00 Português
Poesia/Pensamentos PALAVRAS À LUPA 0 2.399 01/20/2015 - 19:38 Português
Poesia/Pensamentos MADRESSILVA 0 1.437 01/19/2015 - 21:07 Português
Poesia/Pensamentos NA SOLIDÃO 0 1.769 01/17/2015 - 23:32 Português
Poesia/Pensamentos LÁPIS DE SER 0 1.677 01/16/2015 - 20:47 Português