Assim, Que A Chuva Parar

Sempre que comece a chover,
e quando começar de trovejar,
vem, meu amor, vem me abraçar
para que eu possa te proteger
e, ao sentires-te protegida, minha querida,
a tua alma possa se acalmar.

Vem, meu amor,
vem te aconchegar em meus braços,
deixa que eu te conforte, com meus abraços,
e te proteja desse terror,
e desse teu horror ao degredo,
e dos teus medos,
que, por via dos teus segredos, faz clamor

Esquece, meu amor, o horror desse teu medo,
que te causa tanta agonia
e deixa que o clamor dos teus segredos
cheios dos encantos do teu ardor,
um verdadeiro pranto de amor,
se escoe por entre os recantos dos teus dedos
com a genuína força desse teu fervor.
Deixa, meu amor, que esses teus azedos,
a que tu dás tanto valor,
e que à tua Alma a empina,
se precipitem com os teus medos
dos penedos do teu pavor

Quando chuva parar, e deixar de trovejar meu amor,
tu irás ver o sol voltar a despontar,
com todo o seu esplendor,
e logo tu irás te aperceber, que bastará isso
para afastar esse horror, sempre tão metediço,
que tu tens ao degredo,
que, em segredo,
se acoberta em tua alma,
e que, tão frequentemente
e tão ardilosamente, te rouba a calma

apsferreira

 

www.albanosoaresferreira.blogspot.com

Submited by

Saturday, January 7, 2012 - 12:35

Poesia :

No votes yet

apsferreira

apsferreira's picture
Offline
Title: Membro
Last seen: 5 years 1 week ago
Joined: 09/21/2009
Posts:
Points: 3457

Comments

joanadarc's picture

A chuva que bate na minha

A chuva que bate na minha janela,

É igual àquela...

 

Aquela, que descreves no teu sentir,

Aquela mesma...que acabaste de descobrir...

 

Apenas, é diferente onde bate,

A minha bate directamente na alma,

Á espera de alguém que a saudade mate,

Á espera de algo que me deixe mais calma...

 

Hoje a chuva bate, bate, bate...em mim,

Um dia...irá parar de bater...enfim.

 

Mas, enquanto isso, vou aparando suas gotas latejantes,

Na esperança, de que um dia, também essas, se tornem cessantes.

 

Joana

apsferreira's picture

Na verdade, Joana, as nossas

Na verdade, Joana, as nossas vidas são assoladas

por tempestades, de quando, em quando... Por vezes, não há

como as evitar, por isso é preciso ganharmos defesas

em relação a elas. Obrigado, por o teu comentário,

que apreciei como poema, também.

Beijinho,

:-)

apsferreira's picture

.

.

Add comment

Login to post comments

other contents of apsferreira

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/General E eu escrevo... 6 2.386 02/25/2018 - 21:03 Portuguese
Poesia/Love Incúria 8 1.465 11/20/2013 - 17:49 Portuguese
Poesia/Dedicated Saudade 2 1.446 01/30/2013 - 23:43 Portuguese
Poesia/Aphorism As Pessoas, Que São Boas 0 1.167 01/28/2013 - 03:20 Portuguese
Poesia/Aphorism Brumas, no Olhar 2 1.585 01/21/2013 - 02:54 Portuguese
Poesia/Aphorism Ah, Catraia Tonta... 0 1.940 01/20/2013 - 20:54 Portuguese
Poesia/Love A Irracionalidade do Amor 2 1.406 01/20/2013 - 20:34 Portuguese
Poesia/Friendship O Teu Sorriso 2 979 01/18/2013 - 23:29 Portuguese
Poesia/Love Pedido, à Minha Estrelinha 2 1.446 10/19/2012 - 13:41 Portuguese
Poesia/Love Será, Que Tu Já Te Apercebeste, Meu Amor? 0 1.195 10/18/2012 - 05:55 Portuguese
Poesia/Dedicated A Cor da Vida 0 1.550 10/11/2012 - 22:19 Portuguese
Poesia/Fantasy Eu Sonho O Teu Despertar 0 1.909 10/09/2012 - 12:14 Portuguese
Poesia/Dedicated Quer Quer Viver Para Sempre? 0 1.195 10/05/2012 - 07:53 Portuguese
Poesia/Love Ouve, Meu Amor... 0 1.388 10/04/2012 - 08:01 Portuguese
Poesia/Passion Apenas, Imaginação... 0 1.231 09/30/2012 - 11:13 Portuguese
Poesia/Love Eu quero-te, porque te quero 0 1.703 09/26/2012 - 03:53 Portuguese
Poesia/Dedicated Desejos de Amor 0 1.536 09/24/2012 - 05:38 Portuguese
Poesia/Meditation Porquê? 0 1.024 09/22/2012 - 04:03 Portuguese
Poesia/Meditation Senhor... 0 1.709 09/19/2012 - 04:28 Portuguese
Poesia/Dedicated Eu Viajo com o Teu Sorriso 0 1.091 09/17/2012 - 11:49 Portuguese
Poesia/Sonnet Alma de Mulher 0 1.902 09/09/2012 - 20:48 Portuguese
Poesia/Aphorism Quando Muda O Mês 0 1.252 09/01/2012 - 19:41 Portuguese
Poesia/Meditation Por "Trinta Dinheiros" 2 2.126 08/28/2012 - 17:51 Portuguese
Poesia/Love Incursão 0 1.541 08/21/2012 - 19:55 Portuguese
Poesia/Aphorism Este Meu Fado 1 1.887 08/08/2012 - 02:48 Portuguese