Negra Calíope


Dê-me, soberana Calíope,
a antiga coragem
para lutar contra os novos Minotauros
que revivem nos novos homens velhos.
Dê-me a antiga ânsia por justiça
e afaste-me dos doces caminhos
do lirismo arrebatado.
É tempo, Musa!
Pois, eis que os dragões
já não nos permitem sonhar.
Refaça as minhas penas e tintas,
pois eis que novos tiranos
roubam as cenas e os pobres devotos.
Dê-me, Ninfa, a verve de antes,
ainda que por breves instantes,
pois urge enfrentar a besta-fera
que assalta os caminhantes
e assombra todos os caminhos.
Dê-me, Tágide, o ímpeto de Aquiles
e a trágica precisão de Eurípedes,
pois eis que rondam os cenários,
as maldades consorciadas
e as harpias das ilusões devastadas.
Dê-me, Musa, o gosto antigo
e a antiga crença de esperar no verso
a redenção do universo.

E, por fim, dai-me Calíope
o negro Canto etíope!

Homenagem pouca ao amigo querido e grande poeta africano Mpiosso-ye-Kongo.

Lettre la Art et la Culture

Submited by

Friday, June 12, 2015 - 14:04

Poesia :

No votes yet

fabiovillela

fabiovillela's picture
Offline
Title: Moderador Poesia
Last seen: 3 years 35 weeks ago
Joined: 05/07/2009
Posts:
Points: 6158

Add comment

Login to post comments

other contents of fabiovillela

Topic Title Replies Views Last Postsort icon Language
Poesia/Sadness A Canção de Alepo 0 2.153 10/01/2016 - 22:17 Portuguese
Poesia/Meditation Nada 0 1.727 07/07/2016 - 16:34 Portuguese
Poesia/Love As Manhãs 0 1.485 07/02/2016 - 14:49 Portuguese
Poesia/General A Ave de Arribação 0 1.477 06/20/2016 - 18:10 Portuguese
Poesia/Love BETH e a REVOLUÇÃO DE VERDADE 0 1.591 06/06/2016 - 19:30 Portuguese
Prosas/Others A Dialética 0 2.247 04/19/2016 - 21:44 Portuguese
Poesia/Disillusion OS FINS 0 1.857 04/17/2016 - 12:28 Portuguese
Poesia/Dedicated O Camareiro 0 2.812 03/16/2016 - 22:28 Portuguese
Poesia/Love O Fim 1 1.593 03/04/2016 - 22:54 Portuguese
Poesia/Love Rio, de 451 Janeiros 1 1.568 03/04/2016 - 22:19 Portuguese
Prosas/Others Rostos e Livros 0 1.670 02/18/2016 - 20:14 Portuguese
Poesia/Love A Nova Enseada 0 2.018 02/17/2016 - 15:52 Portuguese
Poesia/Love O Voo de Papillon 0 1.266 02/02/2016 - 18:43 Portuguese
Poesia/Meditation O Avião 0 1.305 01/24/2016 - 16:25 Portuguese
Poesia/Love Amores e Realejos 0 2.226 01/23/2016 - 16:38 Portuguese
Poesia/Dedicated Os Lusos Poetas 0 1.474 01/17/2016 - 21:16 Portuguese
Poesia/Love O Voo 0 1.493 01/08/2016 - 18:53 Portuguese
Prosas/Others Schopenhauer e o Pessimismo Filosófico 0 2.344 01/07/2016 - 20:31 Portuguese
Poesia/Love Revellion em Copacabana 0 1.698 12/31/2015 - 15:19 Portuguese
Poesia/General Porque é Natal, sejamos Quixotes 0 1.550 12/23/2015 - 18:07 Portuguese
Poesia/General A Cena 0 1.784 12/21/2015 - 13:55 Portuguese
Prosas/Others Jihadismo: contra os Muçulmanos e contra o Ocidente. 0 1.627 12/20/2015 - 19:17 Portuguese
Poesia/Love Os Vazios 0 2.728 12/18/2015 - 20:59 Portuguese
Prosas/Others O impeachment e a Impopularidade Carta aberta ao Senhor Deputado Ivan Valente – Psol. 0 1.034 12/15/2015 - 14:59 Portuguese
Poesia/Love A Hora 0 2.418 12/12/2015 - 16:54 Portuguese