CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

{Σn+torp.[(-e)²:cen]-t√e²}=

Anseio-te...
como solução intravenosa.
Como contração
nas terminações nervosas.
Como o ápice,
que desperta minhas sinapses
mais libidinosas.
Nessa álgebra,
onde o vazio e o nada
trocam cartas sem datas.
Vem pra cá,
deixa eu ser seu patuá.
Diz aonde dói,
que meu beijo vai curar.
À noite, sorrimos para o abismo
cheirando a cigarro e absinto.
Jogamos sinuca.
Transfusão de destinos.
Até o inferno faz pompoarismo
quando estais comigo.
Sinta minha barba hirsuta,
roçando em sua pálida nuca,
enquanto sussurro juras,
que mais tarde,
talvez, não as cumpra.
Sabes que sou disperso!
Você é um próton;
possui um belo campo magnético.
Vagueio em sua órbita,
mas aceito minha condição
de elétron.
De tão complexo,
pareces um número imaginário.
Tu és a responsável,
quando penso em sonetos
e, pronuncio encontros vocálicos.

Bruno Sanctus.

Submited by

sábado, outubro 26, 2013 - 13:15

Poesia :

No votes yet

Bruno Sanctus

imagem de Bruno Sanctus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 24 semanas
Membro desde: 04/14/2013
Conteúdos:
Pontos: 299

Comentários

imagem de SweetPoison

"Nego-me a viver num mundo

"Nego-me a viver num mundo ordinário como uma mulher ordinária.
A estabelecer relações ordinárias.
Necessito o êxtase.
Não me adaptarei ao mundo.
Adapto-me a mim mesma."

Que nobre entorpecimento.
Beijo
R.

imagem de Bruno Sanctus

Deixa eu dizer...

"Cê têm uma mistura de tristeza com desdém.
Mistura de Sade, Lauryn Hill, vem que vem.
É saudade? É também!
Tipo o quê pra lembrar?
No talento origami, mil formas de dobrar.
Demorô, quadro de Madonna;
trama de Fellini.
Tarde de Almodóvar;
noite de Lenine.
Dèjá-vu de novo,
eu tô te vendo andar na rua.
Sentimental mood, anfetamina pura."

Obrigado, Raquel. Sempre gentis e reflexivos seus comentários. Minha pequena, Safo de Lesbos. Nem sei o porquê você ainda perde tempo lendo-me. De fato, deves ter encontrado outra alma inquieta como a tua. Sempre será bem-vinda.

Beijos.
Bruno.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Bruno Sanctus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Ontogênese 1 307 05/29/2014 - 21:33 Português
Poesia/Fantasia Orpheus 0 509 03/16/2014 - 04:40 Português
Poesia/Dedicado Genitora 0 482 01/27/2014 - 03:06 Português
Prosas/Pensamentos A Máquina do Tempo 2 487 01/08/2014 - 14:58 Português
Poesia/Paixão Tarantismo 0 725 01/08/2014 - 14:51 Português
Poesia/Geral Rejuvenescido 0 641 12/09/2013 - 15:59 Português
Poesia/Geral Lembranças de Nosso Aparthaid 0 354 12/05/2013 - 15:43 Português
Poesia/Geral Liberté 0 369 11/15/2013 - 17:14 Português
Poesia/Amor Endimião e Selene 0 1.482 11/15/2013 - 16:59 Português
Poesia/Fantasia A Odisseia 0 511 11/15/2013 - 16:53 Português
Poesia/Geral Persuasão 0 423 10/30/2013 - 17:50 Português
Poesia/Fantasia {Σn+torp.[(-e)²:cen]-t√e²}= 2 947 10/30/2013 - 17:22 Português
Poesia/Fantasia O Eremita 0 503 10/25/2013 - 00:59 Português
Poesia/Fantasia Hiperbole 0 702 10/25/2013 - 00:45 Português
Poesia/Erótico Paixões Corruptíveis 0 1.254 10/23/2013 - 00:18 Português
Prosas/Tristeza Parque das Verdades 0 569 10/23/2013 - 00:09 Português
Poesia/Erótico Destile-me 0 504 10/22/2013 - 23:56 Português
Poesia/Geral Psicogonia 2 607 10/21/2013 - 18:21 Português
Poesia/Tristeza Decaído 0 543 10/21/2013 - 04:25 Português
Poesia/Dedicado Gaia 0 438 10/21/2013 - 04:16 Português
Poesia/Fantasia Libris Scripta 0 452 10/21/2013 - 04:07 Português
Poesia/Fantasia Desire 0 675 10/20/2013 - 05:02 Português
Prosas/Pensamentos Mentiras 0 405 10/20/2013 - 04:22 Português
Poesia/Desilusão FREAKenstein 0 379 10/20/2013 - 04:06 Português
Poesia/Fantasia Feel 0 509 10/18/2013 - 18:11 Português