CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A Máquina do Tempo

     

     A máquina do tempo é uma utopia que escorre pelos cantos da boca. Um fétido filete simulando memórias subjetivas. Um passado de múltipla escolha prestes a ser alterado a qualquer momento. Enquanto corvos crocitam com nacos de carne e vermes valsam em vossos bicos; soprando a trombeta fúnebre de guerra. É medo e fúria. Uma lança sem ponta adornando os vitrais da consciência com festins de covardia e cerveja embolorada; prostitutas frígidas, candidíase e crianças desmamadas. É o atraso da fatura do mês que faz-nos lembrar que não temos tempo para criar máquinas, apenas obedecê-las. Máquina do tempo é tudo que não se deixa para amanhã. Afinal, amanhã nem existe mesmo. Amanhã é só o hoje quando acordar de ressaca e derreter o espelho com o bafo de biles, vômito e urina afastando os fantasmas da varanda. Quando os vizinhos pestilentos cacarejam todos os flashbacks de amnésia alcoólica. São murmúrios contados por lábios alheios e ressecados. A máquina do tempo é uma redoma, onde o delírio é uma fortaleza, conservado por formol; sangue e sêmen.


Bruno Sanctus.

Submited by

terça-feira, novembro 26, 2013 - 02:22

Prosas :

No votes yet

Bruno Sanctus

imagem de Bruno Sanctus
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 25 semanas
Membro desde: 04/14/2013
Conteúdos:
Pontos: 299

Comentários

imagem de deborabenvenuti

A Máquina do Tempo

" Quando os vizinhos pestilentos cacarejam todos os flashbacks de amnésia alcoólica. São murmúrios contados por lábios alheios e ressecados."

Não tinha feito essa análise da máquina do tempo sob esse ângulo. Muito bem colocado.
Feliz Natal!

imagem de Bruno Sanctus

Obrigado, Debora, e

Obrigado, Debora, e desculpe-me a demora em respondê-la. Fim de ano é a época em que mais se trabalha. Mas, deixemos o ofício para outra hora.

A verdade é que, a sanidade acaba dilapidando todo o êxtase que existe em entorpecer-se. Não se perde tempo louco, apenas sentimos repulsa ao perceber que todo o barato já passou e as pessoas continuam sendo as mesmas. Que aquilo só existiu como resquício imagético da crença alheia sobre sua persona.

Beijos.
Bruno Sanctus.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Bruno Sanctus

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Pensamentos Ontogênese 1 311 05/29/2014 - 21:33 Português
Poesia/Fantasia Orpheus 0 512 03/16/2014 - 04:40 Português
Poesia/Dedicado Genitora 0 484 01/27/2014 - 03:06 Português
Prosas/Pensamentos A Máquina do Tempo 2 488 01/08/2014 - 14:58 Português
Poesia/Paixão Tarantismo 0 726 01/08/2014 - 14:51 Português
Poesia/Geral Rejuvenescido 0 643 12/09/2013 - 15:59 Português
Poesia/Geral Lembranças de Nosso Aparthaid 0 356 12/05/2013 - 15:43 Português
Poesia/Geral Liberté 0 374 11/15/2013 - 17:14 Português
Poesia/Amor Endimião e Selene 0 1.489 11/15/2013 - 16:59 Português
Poesia/Fantasia A Odisseia 0 516 11/15/2013 - 16:53 Português
Poesia/Geral Persuasão 0 427 10/30/2013 - 17:50 Português
Poesia/Fantasia {Σn+torp.[(-e)²:cen]-t√e²}= 2 951 10/30/2013 - 17:22 Português
Poesia/Fantasia O Eremita 0 506 10/25/2013 - 00:59 Português
Poesia/Fantasia Hiperbole 0 707 10/25/2013 - 00:45 Português
Poesia/Erótico Paixões Corruptíveis 0 1.257 10/23/2013 - 00:18 Português
Prosas/Tristeza Parque das Verdades 0 571 10/23/2013 - 00:09 Português
Poesia/Erótico Destile-me 0 505 10/22/2013 - 23:56 Português
Poesia/Geral Psicogonia 2 608 10/21/2013 - 18:21 Português
Poesia/Tristeza Decaído 0 544 10/21/2013 - 04:25 Português
Poesia/Dedicado Gaia 0 438 10/21/2013 - 04:16 Português
Poesia/Fantasia Libris Scripta 0 454 10/21/2013 - 04:07 Português
Poesia/Fantasia Desire 0 681 10/20/2013 - 05:02 Português
Prosas/Pensamentos Mentiras 0 408 10/20/2013 - 04:22 Português
Poesia/Desilusão FREAKenstein 0 382 10/20/2013 - 04:06 Português
Poesia/Fantasia Feel 0 509 10/18/2013 - 18:11 Português