CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Afagos na Desilusão

Não temos culpa pelos teus atos impensados,
Ou tua maneira raivosa de nos olhar.
Fomos crianças de um amor
E até hoje não nos perguntamos se era verdadeiro.
Nossas lágrimas fechavam as feridas
E acalentavam o coração.
Será que manchavam sua alma ou a lavavam da dor?
Mas erámos crianças e sempre se acha um motivo para a felicidade.
Agora, que o tempo recaiu sobre teus ombros,
Carregamos, ainda, as cicatrizes do passado
E cuidamos dos nossos, como não cuidaste dos teus.
Lutamos contra a impaciência de ter você ao nosso lado, apesar dos anos suavizarem as marcas do passado.
Poderíamos dizer que te amamos
Mas seríamos hipócritas.
Mas quando a hora chegar, choraremos o teu último dia como crianças frágeis e abandonadas.
E ironicamente nos aliviaremos com a ausência que você nos faz.
Mas nos culparemos por nunca ter compreendido seus atos e seu olhar.
Por não ter coragem de perguntar se você era feliz, apesar de tudo.
Porque fomos egoístas, nos arrependeremos.
Porque somos egoístas, sofreremos.

1998.
Vou parar de revirar gavetas, quem sabe assim não acho mais essas surpresas... será que foi eu quem escreveu isso? Estava assinado por mim.... eu mudei tanto assim??? Caraca...

Submited by

sábado, março 6, 2010 - 03:40

Poesia :

No votes yet

ZiZi

imagem de ZiZi
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 2 anos 14 semanas
Membro desde: 08/23/2009
Conteúdos:
Pontos: 274

Comentários

imagem de mariacarla

Re: Afagos na Desilusão

Não pares nunca de revirar as gavetas, encontraste uma grande surpresa. É bom recordar... faz-nos crescer!

Gostei muito de ler "Afagos na Desilusão"
Obrigada :-)

Carla

imagem de Henrique

Re: Afagos na Desilusão

É uma meditação que nos afaga com muita tristeza e realismo do que se passa em nosso redor, as cicatrizes do passado ainda se tornam mais difíceis de apagar!!!

:-)

imagem de MarneDulinski

Re: Afagos na Desilusão

LINDO POEMA, GOSTEI!

Por não ter coragem de perguntar se você era feliz, apesar de tudo.
Porque fomos egoístas, nos arrependeremos.
Porque somos egoístas, sofreremos.

Temos provas todos s dias do egoísmo do ser humano!

Meus parabéns,
Marne

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of ZiZi

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Cascas de ferida 1 678 04/16/2011 - 03:58 Português
Fotos/ - 2163 0 902 11/24/2010 - 00:45 Português
Fotos/ - 1680 0 927 11/24/2010 - 00:40 Português
Fotos/ - 1681 0 844 11/24/2010 - 00:40 Português
Fotos/ - 1682 0 900 11/24/2010 - 00:40 Português
Poesia/Geral 0 449 11/18/2010 - 15:58 Português
Poesia/Geral 52 e meio 0 518 11/18/2010 - 00:00 Português
Poesia/Geral Reflexo 1 402 04/10/2010 - 04:47 Português
Poesia/Geral Afagos na Desilusão 3 479 03/06/2010 - 13:32 Português
Poesia/Geral Na minha voz 2 496 03/06/2010 - 04:16 Português
Poesia/Geral Castelos da Infância 2 409 03/06/2010 - 04:14 Português
Poesia/Geral Jantar 2 401 11/21/2009 - 19:03 Português
Poesia/Geral Hi! Hello! 1 463 11/21/2009 - 06:41 Português
Poesia/Geral Brazilian wax 1 549 11/21/2009 - 05:39 Português
Poesia/Geral Esmola p´ra play 4 478 11/01/2009 - 23:21 Português
Poesia/Geral Reforma Agraria 2 460 11/01/2009 - 00:49 Português
Poesia/Geral Aquecedor de baixo custo para chuveiro 3 432 10/30/2009 - 21:08 Português
Poesia/Geral Corredor do tribunal 3 479 10/30/2009 - 18:30 Português
Prosas/Mistério PERNA AMPUTADA 2 619 10/07/2009 - 16:11 Português
Poesia/Geral Vitimas inocentes 2 432 10/07/2009 - 15:06 Português
Poesia/Geral Vicio 1 477 09/28/2009 - 12:41 Português
Poesia/Geral Atemporal 1 589 09/28/2009 - 12:37 Português
Poesia/Geral Classificados 2 427 09/27/2009 - 15:38 Português
Poesia/Geral Atualizado o passado, renovada a dor 1 414 09/27/2009 - 03:56 Português
Poesia/Geral Calo me calo 2 444 09/27/2009 - 01:17 Português