CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

CUMPLICE QUE ME ROUBAS A DOR…

 

 

 

 

PORQUÊ ESTA E NÃO A LACRIMOSA?...

 

Por vezes, custa-me se escrevo
Porque me dói, porque me sinto só…
Mas não escrevendo, por disso ter medo
De mim morre parte, sem apelo nem dó…

Da sombra, que esbatida sobrevive
Dessa parte que viva fica, sofrendo
Tento por vezes, adormecer-lhe a voz
Pura perda, desse inusitado tempo…

E num surdo lamento, sinto a dor atroz
Sincopado instante que me enlouquece
Por ficar a sós, com a coragem que não tive
De escrevendo dar voz, à dor que permanece…

Perdão… Perdoa a urgência que se diz, assim
Teimosia que morrer não deixa, parte de mim
Fazendo-te cúmplice, desta solidão que vivo…

Rzorpa

 

P.S: Apenas porque estiveste e quero continues... "By my side"!:)

Submited by

segunda-feira, dezembro 5, 2011 - 23:48

Poesia :

Your rating: None (3 votes)

RZorpa

imagem de RZorpa
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 6 anos 49 semanas
Membro desde: 06/24/2011
Conteúdos:
Pontos: 685

Comentários

imagem de SuzeteBrainer

Querido amigo, Ao ler esse

Querido amigo,

Ao ler esse teu poema tão tocante, lembrei-me de uma música(poesia pura) de Alceu Valença:"A solidão é fera/A solidão devora/É prima-irmã do tempo e faz os nossos relógios caminharem lento/Causando o descompasso no meu coração/Solidão..."

A beleza da tua poesia ecoa profundamente na minha alma...

Um grande abraço de luz e um feliz  2012!!smiley

imagem de Teresa Almeida

Magnífico poema Rui. "Por

Magnífico poema Rui.

"Por ficar a sós, com a coragem que não tive
De escrevendo dar voz, à dor que permanece…" 

Apesar disso, quero dizer-te que prefiro que escrevas, sempre e muito. 

Quero ler-te.

Um grande abraço.

imagem de MariaButterfly

  escrever para derramar a

 

escrever para derramar a dor que não se ausenta,

solidão que me arranca as palavras

talvez, nela encontre a sombra que de ti perdi.
tivesse tido coragem em tempos...passados.

na escrita tua poesia é tua cumplice , e bem!

gosto desta música,mas olha que a lacrimosa,

é a Lacrimosa!
lol

gostei muito, mesmo!

beijo

imagem de Librisscriptaest

A tristeza é um mel espesso que se sorve devagar...

Será a teimosia que nos move?

Ou será que a imortalidade do sentir é a verdade que deviamos aceitar, ainda q a nossa condição de humanos a rasgue, tantas vezes, ao meio?

Felizmente eu não acho que só se ame uma vez, a meu ver, quem não é capaz de amar mais vezes aprendeu muito pouco...Acho sim que é possivel amar varias vezes e para sempre, todas elas, dentro das metamorfoses que o amor nos permite!

Gostei muito da força deste poema, um amor que bate os pés com força para vir respirar à tona de água, não se deixando sucumbir nas ondas...

Cito as passagens que mais gostei:

 

"Da sombra, que esbatida sobrevive
Dessa parte que viva fica, sofrendo";

"E num surdo lamento, sinto a dor atroz
Sincopado instante que me enlouquece
Por ficar a sós, com a coragem que não tive"

Beijinho em ti,

Inês Dunas

imagem de Ítalo Cunha

Lindo!

Caro amigo poeta, a forma com que você tece os seus versos é perfeita. A dor é uma ótima fonte de inspiração, quando acaba antes da nossa vida. Tanta solidão, até onde vejo, é a marca do nosso século: românticos sem ninguém e oportunistas com tudo. Será que, como poetas, teremos direito à uma bela solidão à dois? Talvez a alma do romantico seja condenada a não passar deste século... é uma pena!

imagem de joanadarc

"A solidão é solidária para

"A solidão é solidária para quem com ela é benevolente,

A solidão dá-nos momentos de cumplicidade única,

A solidão faz-nos ainda crescer a usar de maneira racional a mente,

A solidão traz-nos uma sensação de saudade melancólica."

 

Tudo isto sozinha e contigo aprendi,

           Mas mesmo longe, de ti, não me esqueci,

                          O quanto foste importante, no meu crescimento,

                                          O quanto és especial, no meu, aqui e em todo lado, desenvolvimento.

                                                              Quero que saibas, que estarei sempre contigo,

                                                                                Pois, nunca encontrei ninguém como tu, um verdadeiro amigo,

                                                                                             Vou estar, nem que seja e às vezes ausente, sempre aqui,

                                                                                                                No mesmo sitio, no mesmo lugar, presente para TI.

 

Parabéns por mais uma das tuas e somente tuas poesias especiais e obrigado por seres quem és....comigo.

Beijo-te

Joana

 

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of RZorpa

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Dedicado PORQUE HOJE, TE BEIJARIA SEM FIM... 4 1.132 05/10/2012 - 19:23 Português
Poesia/Dedicado "MEU AMOR?"... MAIS QUE UM LIVRO! 19 2.620 02/23/2012 - 12:22 Português
Poesia/Dedicado A TI, DESTINADO PERFUME... 7 1.272 02/05/2012 - 17:41 Português
Poesia/Dedicado CUMPLICE QUE ME ROUBAS A DOR… 6 1.688 01/02/2012 - 02:02 Português
Poesia/Dedicado EM LOUCOS DEVANEIOS FRENTE AO POETA, SENTADO... 22 2.225 11/29/2011 - 06:12 Português
Videos/Poesia ETERNAMENTE... 6 1.903 11/28/2011 - 14:19 Português
Fotos/Eventos "Meu Amor?" - TODOS SERÃO POUCOS... 6 1.831 11/16/2011 - 05:57 Português
Poesia/Dedicado QUE NUM MOVIMENTO, ME ARRANQUE DE TI… 11 1.888 11/16/2011 - 05:38 Português
Poesia/Dedicado TODOS SERÃO POUCOS... MAS CADA ABRAÇO, TERÁ O TAMANHO DO MUNDO! 17 1.700 11/01/2011 - 15:36 Português
Poesia/Dedicado SINTO MUITO, MEU AMOR... 3 1.626 10/31/2011 - 01:20 Português
Poesia/Dedicado O TODO - Corpo e Alma...! 39 3.552 10/25/2011 - 00:49 Português
Fotos/Outros MEU AMOR? 8 1.674 10/22/2011 - 18:00 Português
Poesia/Dedicado ALBUFEIRA, A LAGOA ONDE O SONHO SE PÔS, COM O SOL… 2 1.429 10/18/2011 - 07:40 Português
Poesia/Dedicado O PASSO A PASSO DE UM TODO - O mais importante dos passos 7 1.950 10/17/2011 - 21:43 Português
Poesia/Amor O PASSO A PASSO DE UM TODO - Fragmentos 8 1.884 10/15/2011 - 17:41 Português
Poesia/Amor O PASSO A PASSO DE UM TODO - Post Scriptum 6 1.143 10/10/2011 - 03:07 Português
Poesia/Dedicado O DESEJO QUE O MEU DESEJO TEM, DE TANTO DESEJAR… 15 2.681 10/10/2011 - 02:10 Português
Poesia/Amor O PASSO A PASSO DE UM TODO - O titulo 2 1.039 10/08/2011 - 07:16 Português
Poesia/Dedicado MARIA 6 1.484 10/06/2011 - 23:12 Português
Poesia/Dedicado E OS CORPOS... PORQUE SE ESCONDEM? 8 1.587 09/30/2011 - 07:41 Português
Poesia/Dedicado FIO QUE SE DESVANECE, DOENDO... 13 1.905 09/26/2011 - 07:29 Português
Poesia/Fantasia O PODER QUE O SONHO DÁ, DE SER… 6 1.166 09/22/2011 - 22:22 Português
Poesia/Dedicado NA VULNERABILIDADE DO SUPLÍCIO... 4 2.276 09/07/2011 - 02:49 Português
Poesia/Dedicado O QUE ME DIZ O VENTO, DAQUILO QUE O TEMPO TE DIRÁ … 0 1.624 09/05/2011 - 19:00 Português
Poesia/Dedicado UM DIA CHEGARÁ, EM QUE ATÉ O SONHO DESISTIRÁ… 1 1.370 08/25/2011 - 20:02 Português