CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Hoje

Hoje vou ser rude!
«Sim, também o sei ser…»
Vou dizer, olhando nos teus olhos, que não te quero.
_É verdade! Não, não te desejo… É somente o teu cheiro que me faz morder o lábio inferior.
Mordo-o até que sangre, porque a vontade não me abandona e nem se esgota...
Não é a vontade que ouves falar, não enquanto te afasto. Se não tivesses sido cego, terias visto os meus olhos carregados de desejo, um fogo que me consumia e que procurei sufocar, afastando-o da fonte detonante.
«Até para extinguir um fogo é preciso saber a fórmula certa!»

Hoje vou ser ríspida!
Vou olhar nos teus olhos e dizer que não te quero, porque não te quis!
_É verdade! Não te desejo… Na verdade, até te rejeito!
«É somente o teu sorriso que me deixa num estado de fraqueza além de qualquer compreensão.»
Afasto-te de qualquer pensamento que licencie, espanto o mal, a doença que bombeio do centro da emoção. Vontade de ferro, a minha… Ainda que enfraqueça, não tremo e se não tremo, não vês!
«Afugento-te sem esforço, a tua cegueira serve o caminho.»

Hoje vou ser brutal!
«Sim, também o sei ser…»
Vou morder a tua boca e enquanto te envolvo em beijos, apenas mais uma vez, vou dizer que nunca te amei e que não te desejo.
_É verdade! Acredita nas histórias que te conto… Invento-as para que cresças…
«(…) Aos meus olhos, se pudesses… Tu que na minha vida foste um momento que inventei...»

Lamento, mas não te quero!
É, apenas, por esta vontade cega - que nunca me abandona e nem se esgota – que hoje te procuro além da razão. 

 

Publicado no blog "Olhar Joana"

Submited by

quinta-feira, julho 7, 2011 - 22:06

Prosas :

No votes yet

Ema Moura

imagem de Ema Moura
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 25 semanas 5 dias
Membro desde: 03/15/2011
Conteúdos:
Pontos: 317

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Ema Moura

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Amor Nada mais (nona carta) 0 470 09/22/2014 - 17:54 Português
Prosas/Contos «Pele...» 0 469 09/22/2014 - 17:52 Português
Prosas/Erótico Proposta 0 565 09/22/2014 - 17:50 Português
Poesia/Pensamentos Confissões de um conquistador 0 568 09/22/2014 - 17:47 Português
Poesia/Pensamentos Pintura introspectiva 0 740 09/20/2014 - 10:19 Português
Poesia/Pensamentos Silencia o teu amor 0 516 09/20/2014 - 10:17 Português
Prosas/Pensamentos Monólogo da memória 0 468 09/20/2014 - 10:15 Português
Poesia/Paixão Obsessão 0 582 09/20/2014 - 10:10 Português
Poesia/Erótico Tortura, anseio... 1 672 01/27/2013 - 21:47 Português
Prosas/Contos Inspira, relaxa e divaga... Suspira! 2 617 01/27/2013 - 16:40 Português
Prosas/Erótico Outra vez! 2 1.145 01/27/2013 - 16:36 Português
Poesia/Paixão Quero-te outra vez... 0 486 01/27/2013 - 16:08 Português
Poesia/Amor Ouve-me 1 601 01/27/2013 - 15:50 Português
Poesia/Erótico Amarro-te! 3 886 01/27/2013 - 15:45 Português
Poesia/Meditação Ofélia 0 580 01/12/2013 - 22:34 Português
Prosas/Contos Brilho 0 663 01/12/2013 - 22:20 Português
Prosas/Contos Esculpidos na pedra 0 471 01/12/2013 - 22:15 Português
Poesia/Amor Espero 0 635 01/12/2013 - 22:10 Português
Prosas/Romance Hoje, o céu é meu... 0 896 08/11/2011 - 13:09 Português
Poesia/Meditação Saudade poética 2 761 07/09/2011 - 01:59 Português
Prosas/Erótico O desejo é muito mais que um brilho no olhar... 0 836 07/07/2011 - 22:17 Português
Prosas/Erótico Tortura 0 707 07/07/2011 - 22:13 Português
Prosas/Pensamentos Hoje 0 807 07/07/2011 - 22:06 Português
Prosas/Erótico «Surpresa. Hoje é dia de pagamento!» 0 782 07/07/2011 - 21:59 Português
Prosas/Erótico Saltos inquietos 0 785 07/07/2011 - 21:56 Português