CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Podar é preciso!

Hoje destruí o que ainda guardava na caixa das memórias. Pensei somente mudá-las de lugar para um outro ainda mais secreto, mas acabei por destruir o seu conteúdo.
Eram na sua maioria imagens sem história, sem passado. Apenas duas dessas imagens me ligavam a uma coexistência harmónica de um tempo passado antigo e de um tempo passado presente.
Tinha-te ali menino e homem. Duas idades tão diferentes, dois relacionamentos tão diferentes, um mesmo sonho e uma cada vez maior desilusão... Contudo, ali te tinha para que os meus olhos vissem o que o coração não esqueceu.
Hoje destruí tudo. Não foi um gesto de ira, nem desesperado. Pensei somente mudá-las para um lugar ainda mais distante, mas acabei por perder tudo.
Primeiro, lamentei! Depois, pensei respirar melhor...
Agora pergunto-me quando estarei realmente livre. É um pensamento insistente, como uma criança impaciente pelo fim de uma grande viagem. Só agora comecei, como se, só agora, aprendesse a andar.
O tempo que decorreu entre um grupo de memórias e o outro não foi o suficiente para que estas se tornassem traiçoeiras, esquecidas das emoções que guardam e nem dos traços memorizados.
A minha cabeça neste momento parece um disco riscado. A música não prossegue assim como o viver. Já a vida é como se sabe, tem pressa e não espera.
É chegada a altura! O pensamento não pode apenas gerar mais e mais pensar. Poder pode, mas continuaria uma não existência, existindo. A acção é precisa e não há como negar.
Ano de iniciativas. Crises dentro da Crise. Conflitos e Resoluções.
Hoje quando perdi o que restava da caixa das memórias, apenas destruí o que o Outro poderia ver, tocar ou profanar. Na verdade, dentro de mim, a árvore das memórias continua a ostentar os mesmos galhos e as histórias apenas eu as vejo.
Está um lindo dia lá fora! - Digo eu olhando para dentro com uma tesoura de podar.
É tempo.
É hora.
Agora! 

Submited by

domingo, março 20, 2011 - 17:33

Prosas :

No votes yet

Ema Moura

imagem de Ema Moura
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 42 semanas 6 horas
Membro desde: 03/15/2011
Conteúdos:
Pontos: 317

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of Ema Moura

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Ministério da Poesia/Amor Nada mais (nona carta) 0 544 09/22/2014 - 18:54 Português
Prosas/Contos «Pele...» 0 506 09/22/2014 - 18:52 Português
Prosas/Erótico Proposta 0 603 09/22/2014 - 18:50 Português
Poesia/Pensamentos Confissões de um conquistador 0 613 09/22/2014 - 18:47 Português
Poesia/Pensamentos Pintura introspectiva 0 779 09/20/2014 - 11:19 Português
Poesia/Pensamentos Silencia o teu amor 0 550 09/20/2014 - 11:17 Português
Prosas/Pensamentos Monólogo da memória 0 510 09/20/2014 - 11:15 Português
Poesia/Paixão Obsessão 0 631 09/20/2014 - 11:10 Português
Poesia/Erótico Tortura, anseio... 1 737 01/27/2013 - 22:47 Português
Prosas/Contos Inspira, relaxa e divaga... Suspira! 2 661 01/27/2013 - 17:40 Português
Prosas/Erótico Outra vez! 2 1.199 01/27/2013 - 17:36 Português
Poesia/Paixão Quero-te outra vez... 0 517 01/27/2013 - 17:08 Português
Poesia/Amor Ouve-me 1 649 01/27/2013 - 16:50 Português
Poesia/Erótico Amarro-te! 3 957 01/27/2013 - 16:45 Português
Poesia/Meditação Ofélia 0 630 01/12/2013 - 23:34 Português
Prosas/Contos Brilho 0 714 01/12/2013 - 23:20 Português
Prosas/Contos Esculpidos na pedra 0 510 01/12/2013 - 23:15 Português
Poesia/Amor Espero 0 683 01/12/2013 - 23:10 Português
Prosas/Romance Hoje, o céu é meu... 0 932 08/11/2011 - 14:09 Português
Poesia/Meditação Saudade poética 2 813 07/09/2011 - 02:59 Português
Prosas/Erótico O desejo é muito mais que um brilho no olhar... 0 896 07/07/2011 - 23:17 Português
Prosas/Erótico Tortura 0 741 07/07/2011 - 23:13 Português
Prosas/Pensamentos Hoje 0 854 07/07/2011 - 23:06 Português
Prosas/Erótico «Surpresa. Hoje é dia de pagamento!» 0 856 07/07/2011 - 22:59 Português
Prosas/Erótico Saltos inquietos 0 840 07/07/2011 - 22:56 Português