CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

Anticorpo

É... Tenho esse defeito
Carrego na face a fleuma
De andar por aí sem defesa
Sinto cólera, culpa, despeito
Desânimo, ódio, desespero
Mas também sinto vergonha
Disto não tenho medo

Por vezes perco a fé em mim mesmo
Eu sei quem eu sou
Mas as vezes me esqueço
Das minhas fraquezas, porém
Não me eximo nem me isento
Nem disto nem d’outras vilezas

Essa mesma cara que ri
Desaba e lamenta
A mesma cara que chora
Demonstra esperança
A mesma cara que espera
Esboça descrença
É! Eu tenho esse problema

A impecável postura dos mentirosos
Não me cai muito bem. Não sustento ...
Entre os anfitriões da falsa nobreza
Tropeço nas minhas infâmias
Minha educação nunca foi a etiqueta
Exponho desgosto e desavença
Ponderar o discurso, não consigo
Me escapa o que penso
Berro injúrias, cuspo ofensas
Tristeza saber que é sempre inútil
Mas é minha natureza

Ingiro mentiras pelos poros
Mais tristemente, as minhas
Contamino, adoeço, não durmo
Digiro até expelir por inteiro
Este ser estranho, inoportuno

Meu mal-estar, não disfarço bem
Dissimular é arte que não possuo
Deus que me proteja e acuda
Pois ando por aí sem escudo

__________________________________________________

Submited by

quinta-feira, setembro 18, 2014 - 19:09

Poesia :

No votes yet

carlfilho

imagem de carlfilho
Offline
Título: Membro
Última vez online: há 3 anos 44 semanas
Membro desde: 05/25/2009
Conteúdos:
Pontos: 519

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of carlfilho

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Desilusão Anticorpo 0 647 09/18/2014 - 19:09 Português
Poesia/Geral Deixa 0 681 01/30/2014 - 21:10 Português
Poesia/Tristeza A Morte do Meu Sorriso 0 760 09/12/2013 - 21:13 Português
Poesia/Geral O Número 1 429 03/15/2013 - 18:48 Português
Poesia/Geral Os animais 3 843 03/15/2013 - 18:39 Português
Poesia/Geral Parceria Eterna 2 1.250 11/27/2012 - 18:54 Português
Poesia/Geral Boa Noite 4 1.135 11/27/2012 - 17:56 Português
Poesia/Tristeza Caixeiro Viajante 1 905 11/26/2012 - 21:41 Português
Poesia/Tristeza Coração Notívago 2 1.063 11/26/2012 - 21:26 Português
Poesia/Geral Pulvi es (et pulverem reverteris) 2 1.403 11/23/2012 - 23:29 Português
Poesia/Geral A Idéia Assombra 1 1.010 11/23/2012 - 16:57 Português
Poesia/Fantasia O Misantropo 3 1.319 11/23/2012 - 16:45 Português
Poesia/Geral Isto Posto 4 783 11/21/2012 - 20:23 Português
Poesia/Paixão Desarme 1 617 11/21/2012 - 19:39 Português
Poesia/Geral Estranho Decorrer 1 825 11/20/2012 - 23:08 Português
Poesia/Amor Meu Amor Imaginário 1 705 04/20/2012 - 19:22 Português
Poesia/Soneto Soneto do Rei Álacre 0 826 01/11/2012 - 17:20 Português
Poesia/Meditação Faz toda a diferença 0 746 01/10/2012 - 16:00 Português
Poesia/Meditação Gosto Daqui... 1 660 12/16/2011 - 03:13 Português
Poesia/Amizade Adenium 0 797 12/15/2011 - 14:36 Português
Poesia/Fantasia O Tédio 0 735 12/09/2011 - 14:33 Português
Poesia/Fantasia Devida Verve 0 708 12/07/2011 - 14:16 Português
Poesia/Tristeza Asfalto 1 984 11/28/2011 - 20:47 Português
Poesia/Tristeza Punhais 0 743 11/28/2011 - 17:57 Português
Poesia/Fantasia Idas 0 1.059 11/08/2011 - 21:55 Português