CONCURSOS:

Edite o seu Livro! A corpos editora edita todos os géneros literários. Clique aqui.
Quer editar o seu livro de Poesia?  Clique aqui.
Procuram-se modelos para as nossas capas! Clique aqui.
Procuram-se atores e atrizes! Clique aqui.

 

A Arte e o Mundo

Tenho momentos de indescritível serenidade em que pareço encarnar o Universo. São momentos que merecem exaltação e em que de mim se apodera uma euforia sem objecto. São instantes de lucidez fugaz - como se, subitamente, sem vontade concreta, me achasse para além de tudo e observasse uma tela, que pela sua expressão, me penetra e me faz sentir - mais do que ver - um mundo onde, estando presente, sou ausente.

 

 

A verdadeira obra de arte deveria ser como o Mundo. Descomprometida, livre, pura e indiferente.

 

Haveria de desenvolver-se com naturalidade; ser eterno movimento e a todos tocar, sensível e irremediavelmente.

 

A sua mensagem pairaria no espaço, sem preconceitos e sem outro objectivo que não fosse o da mera existência.

 

Traduziria o aroma da rosa, o chilrear do pássaro, o ruído das ondas do mar, a paz da lua resplandecente, o eco do Universo - A felicidade eterna ou a morte.

 

Mas diria também do bulício das pessoas e da inconsciência permanente que impregna o seu quotidiano.

 

Ás pessoas diria, que a sua criatividade não mora numa qualquer determinação consciente, ou resulta de uma qualquer opção racional, mas antes é fruto de uma necessidade - De um impulso vital que lhes confere movimento e as integra nesse mundo simples, honesto, frio e livre, da bela natureza que habitam.

 

Dizer-lhes-ia também, que a plenitude não se descreve, pois ela expressa-se volátil e só o sentimento a alcança.

 

A beleza da obra de arte, reside na revelação. Na capacidade de captar o momento e de o eternizar, num gesto carinhoso e singelo, que desperta o espírito e lhe proporciona sublime, um instante de extravagância.

Submited by

domingo, maio 8, 2011 - 12:10

Prosas :

No votes yet

miguelmancellos

imagem de miguelmancellos
Offline
Título: Moderador Música
Última vez online: há 2 anos 44 semanas
Membro desde: 07/29/2010
Conteúdos:
Pontos: 372

Comentários

imagem de RICARDORODEIA

Identifico na perfeição essa

Identifico na perfeição essa tua bela descrição.

 

Parabéns pela inspiração e luz que recebeste no momento em que te deste.

Abraço.

Add comment

Se logue para poder enviar comentários

other contents of miguelmancellos

Tópico Título Respostas Views Last Postícone de ordenação Língua
Poesia/Geral Por Saber 2 1.018 06/11/2011 - 22:23 Português
Poesia/Geral Promessas vãs 1 742 05/25/2011 - 19:04 Português
Poesia/Geral O Pensamento 3 688 05/16/2011 - 19:26 Português
Poesia/Geral O Nada, O Absurdo e a Minha Ignorância 2 552 05/16/2011 - 19:20 Português
Prosas/Pensamentos A Arte e o Mundo 1 774 05/14/2011 - 22:05 Português
Poesia/Tristeza Hipocrisia Sem Nome 1 985 05/10/2011 - 01:08 Português
Prosas/Pensamentos UMA PEQUENA TRAVESSURA,,, 0 728 05/09/2011 - 21:59 Português
Poesia/Geral Sentes??? 2 898 05/08/2011 - 18:32 Português
Poesia/Geral Soturno Silêncio 3 1.349 05/08/2011 - 01:31 Português
Poesia/Geral Loucura??? 1 856 05/07/2011 - 15:29 Português
Prosas/Pensamentos O Egoísmo e a Armadilha dos Conceitos 0 775 05/07/2011 - 11:45 Português
Poesia/Geral Quando Partiste 6 1.058 04/29/2011 - 11:00 Português
Prosas/Pensamentos Se temos o poder de criar, se nos fazem felizes o céu e a eternidade... Porque não? 1 1.096 04/22/2011 - 03:11 Português
Poesia/Geral bora fazer daquilo uma TERTÚLIA 1 1.061 04/21/2011 - 01:06 Português
Prosas/Pensamentos Pensando o "ser homem" 2 868 04/18/2011 - 16:01 Português
Prosas/Pensamentos Se Não Fores Tu a Acreditar em Ti, Quem o Fará? 0 1.202 04/11/2011 - 19:43 Português
Poesia/Geral Digo..! 2 918 04/08/2011 - 10:29 Português
Poesia/Geral Há Palavras Assim 6 818 03/28/2011 - 16:50 Português
Videos/Outros O amigo verdadeiro está sempre LÁ!!! Ver em Full screan. 0 1.660 03/28/2011 - 16:32 Português
Poesia/Geral O Valor, as Coisas e… 2 835 03/11/2011 - 21:02 Português
Poesia/Geral Difícil Dizer 1 672 03/09/2011 - 00:47 Português
Poesia/Geral Distância 1 928 03/04/2011 - 23:02 Português
Poesia/Geral Até Quando? 1 778 03/03/2011 - 21:45 Português
Poesia/Geral Gorada Melancolia 0 839 02/28/2011 - 19:53 Português
Poesia/Geral Solidão 0 567 02/28/2011 - 19:21 Português